Fundo Embrapa/Monsanto destina R$ 3 milhões para novos projetos

Press Release 17/04/2018

Nove projetos voltados para a agricultura brasileira moderna e sustentável serão beneficiados com o recurso

Nove projetos de desenvolvimento sustentável da agricultura brasileira, desenvolvidos pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), receberão um aporte de R$ 3 milhões do Fundo Embrapa/Monsanto. O valor repassado ao fundo é parte do arrecadado em direitos de propriedade intelectual, com a venda de variedades de soja com a tecnologia Intacta RR2 PRO®.

De 2006, quando o Fundo foi criado, até hoje, foram investidos mais de R$ 36 milhões. Os recursos já beneficiaram 51 projetos de pesquisa em biotecnologia para culturas de milho, trigo, soja e arroz, de diversas unidades da Embrapa. Os nove trabalhos que receberão o aporte agora, na nova etapa da parceria, foram selecionados por um comitê científico paritário, após seleção interna prévia e competitiva realizada pela própria Embrapa.

Para o processo de seleção, foram recebidos, ao todo, 42 projetos provenientes de 18 unidades de pesquisa da Embrapa. Os projetos selecionados desenvolverão estudos nas áreas de biotecnologia e biologia sintética (nanotecnologia), agricultura digital e melhoramento de soja.

“Parcerias como essa, com foco na pesquisa agrícola e inovação, são fundamentais para reunir os setores público e privado no desafio global de aumentar a produtividade agrícola de maneira sustentável”, explica o diretor de Regulamentação da Monsanto para o Brasil, Geraldo Berger.

“A atuação próxima ao setor privado é um dos fatores críticos de sucesso do nosso modelo de inovação. A parceria com a Monsanto, por intermédio do fundo de financiamento de pesquisa, tem trazido resultados robustos para o desenvolvimento de um modelo de produção agropecuária competitivo e sustentável”, disse o diretor de Pesquisa e Desenvolvimento da estatal, Celso Moretti.

Na parceria, a Embrapa administra os recursos do Fundo de acordo com as alocações aprovadas para os projetos. Os estudos decorrentes desses projetos são administrados pela equipe de pesquisadores envolvidos.

Projetos Beneficiados:

Título Projeto Unidade
Prova de conceito: superexpressão do gene AdEXLB8 para controle de estresses múltiplos em plantas transgênicas Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia
RNAi como estratégia inovadora para controle de Spodoptera frugiperda associado à variabilidade genética de populações Embrapa Clima Temperado
Nano-RNAi - desenvolvimento de nanobiotecnologias para Embrapa Mandioca e Fruticultura
impulsionar o uso tópico da tecnologia de RNA interferente (RNAi) na agricultura Mandioca e Fruticultura
Desenvolvimento de modelos de detecção precoce da Mancha Amarela do Trigo usando tecnologias de aprendizado de máquina Embrapa Trigo
Desenvolvimento de estratégias biotecnológicas para controle da Ferrugem Asiática da soja com base no conhecimento dos alvos dos efetores de P. pachyrhizi no hospedeiro (soja) Embrapa Soja
Identificação e mapeamento de plantas daninhas resistentes a herbicidas e custos de seu manejo em sistemas de produção de grãos no Brasil. Embrapa Trigo
Desenvolvimento acelerado de cultivares de soja com resistência/tolerância aos herbicidas Glifosato e Dicamba e as pragas desfolhadoras alvo (Eventos MON 89788 X MON 87708 -SOJA RR2-DT e eventos MON 87701 X MON 87751 X MON 89788 X MON 87708 - SOJA BT-SIP2-RR2-DT) Embrapa Soja
SOY4BIOSYN: desvendando circuitos biológicos no genoma de soja para a engenharia de metabolismo de ácidos graxos via biologia sintética Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia
Uso de nanosílica e celulose nanofibrilada para liberação lenta de fertilizantes e defensivos Embrapa Florestas

Sobre o Fundo de Pesquisa Embrapa-Monsanto

O Fundo de Pesquisa Embrapa-Monsanto foi criado na safra 2005/2006 com o objetivo de financiar projetos de pesquisa que buscam o desenvolvimento de soluções sustentáveis para os agricultores brasileiros. Desde sua criação até o lançamento da nova etapa da parceria, que terá início nesse ano, já foram repassados mais de R$ 36 milhões para projetos de pesquisa, que são selecionados por um comitê que analisa o mérito técnico-científico e os benefícios à agricultura brasileira.

Sobre a Monsanto

Somos uma empresa agrícola que desenvolve soluções integradas e seguras para pequenos, médios e grandes produtores colaborando para o avanço responsável da agricultura e da produção de alimentos. Produzimos uma grande variedade de sementes que vão desde frutas e legumes até as principais culturas - como milho, soja e algodão - que ajudam os agricultores a produzir alimentos nutritivos, seguros e a preços acessíveis para atender à população mundial crescente. Trabalhamos para encontrar soluções agrícolas sustentáveis que auxiliam os agricultores a conservar os recursos naturais, a usar dados para melhorar as práticas agrícolas, usar a água e outros recursos importantes de forma mais eficiente, e proteger suas colheitas de pragas e doenças. Por meio de programas e parcerias com agricultores, pesquisadores, organizações sem fins lucrativos, universidades e outros públicos colaboramos para ajudar a resolver alguns dos maiores desafios do mundo. Para saber mais sobre nosso negócio e nossos compromissos, visite:

www.monsanto.com.br
www.descubramonsanto.com.br/
www.facebook.com/monsantobrasil
www.twitter.com/monsantobrasil
www.youtube.com/monsantobrasil

Sobre a Embrapa

Somos uma empresa de inovação tecnológica, focada na geração de conhecimento e tecnologia para agropecuária brasileira, e vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Desde a nossa criação, em 26 de abril de 1973, assumimos um desafio: desenvolver, em conjunto com nossos parceiros do Sistema Nacional de Pesquisa Agropecuária (SNPA), um modelo de agricultura e pecuária tropical genuinamente brasileiro, superando as barreiras que limitavam a produção de alimentos, fibras e energia no nosso País.

Esse esforço ajudou a transformar o Brasil. Hoje a nossa agropecuária é uma das mais eficientes e sustentáveis do planeta. Incorporamos uma larga área de terras degradadas dos cerrados aos sistemas produtivos. Uma região que hoje é responsável por quase 50% da nossa produção de grãos. Quadruplicamos a oferta de carne bovina e suína e ampliamos em 22 vezes a oferta de frango. Essas são algumas das conquistas que tiraram o País de uma condição de importador de alimentos básicos para a condição de um dos maiores produtores e exportadores mundiais. Para saber mais sobre nossa Empresa, visite:

www.embrapa.br
fb.com/embrapa
twitter.com/embrapa